Bandeira do Chile
Fonte: World Flag Database (2008).



Bandeira de Magalhães e Antártica Chilena
Fonte: World Flag Collection (2008).



 

Dados:

Nome oficial:
Comuna Antártica da Província da Antártica Chilena
Nome oficial local:
Comuna Antártica de la Província de la Antártica Chilena
Capital:
Villa Las Estrelas / Base Presidente Eduardo Frei Montalva
População (2008):
228
Área (Km²):
1.236.000
Sigla:
ARKRCH
Moeda:
Peso chileno
Idiomas:
Espanhol
Nacionalidade:
Chilena
Rios principais:
Não há.
Oceanos, Mares e Lagos:
Atlântico Sul (oceano), Bellingshausen (mar), Escócia (mar da), Pacífico Sul (oceano), Wedell (mar).
Ponto mais elevado:
Maciço Vinson (Macizo Vinson) 4.897 m [Antartandes, Montes Centinelas], ponto mais alto do continente antártico.
Fonte: Wikipedia (2006); www.subdere.gov.cl(2002); População: World Gazetteer (2008); organização: Geografia na Internet. Nota: Localiza-se na área reivindicada pela Argentina, Brasil e Reino Unido.  Nota 2: há bibliografias que apontam a área de 1.250.000 Km².
 

Divisão administrativa - (0):

Não há. Comuna antártica de Província, localizada na Província Antártica Chilena, que juntamente com a comuna de Cabo Hornos (antiga Navarino) formam a Província da Antártica Chilena integrante da XII Região de Magalhães e Antártica Chilena. Trata-se de território do Chile, reivindicação não reconhecida internacionalmente. A área da Antártica Chilena sobrepõe-se com as áreas reivindicadas da Antártica Chilena e do Território Britânico da Antártica. As ilhas do Atlântico Sul, são dependências da coroa britânica, reivindicadas pela Argentina.  Encontra-se entre 53º e 90º de Longitude Oeste, de 60º a 90º de Latitude Sul.
Fonte: www.subdere.gov.cl(2002); organização: Geografia na Internet.

Cidade principal (1):

Villa Las Estrellas (130).
Nota: entre parênteses população, fonte: Wikipedia (2002); é a "cidade" (ocupação permanente) mais meridional do Mundo.

Estações Chilenas de Pesquisa / Bases principais (4):

Capitán Arturo Prat (56), General Bernardo O'Higgins Riquelme (32), Presidente Eduardo Frei Montalva (112) [Puerto Covadonga], Professor Julio Escudero (28). Outras bases: Academician Vernadskiy (17) [Ucrânia]; King Sejong (21) [Coréia do Sul].
Nota: entre parênteses população, fonte: World Gazetteer (2008); as bases de Academician Vernadskiy, da Ucrânia e King Sejong, da Coréia do Sul, localizam-se no setor reivindicado por Argentina, Chile e Reino Unido.

 

 

Home | Antártica Argentina | Antártica Brasileira | Antártica Chilena | Órcadas do Sul (Ilhas) | Pedro I (Ilha) | Ross, Dependência de | Setor Antártico Americano | Setor Não Reivindicado | Shetland do Sul (Ilhas) | Território Britânico da Antártica

Home

Voltar | Home | Acima | Avançar

Esta página foi atualizada em 06/06/10

Este sítio está no ar desde 15/05/01